Viagem: Amsterdam

Hello!

Com um charme de cidade do interior e estrutura de grande capital, Amsterdam encanta e atrai turistas não apenas pela beleza inigualável de seus canais. A cidade é famosa pelo respeito à liberdade dos cidadãos, o que rende algumas legalizações interessantes e, algumas vezes, polêmicas. Porém, ao meu ponto de vista isto é o que menos representa essa cidade tão linda que encanta pelas construções e pela história. Encanta pela hospitalidade, pela tranquilidade, pelo charme e por sua expressiva quantidade de arte e museus.
Que tal nos aventurarmos um pouquinho por lá?

Hostel:
Tive a ótima oportunidade de me hospedar no Hostel Van Gogh. Recomendo em todos os sentidos! O valor de hospedagem esteve na média dos Hostels da região com a estrutura, a limpeza e o atendimento de um ótimo Hotel. O café da manhã, espetacular por apenas 5 euros. A localização? Em frente ao famoso Museu Van Gogh e ao lado de praticamente todos os cartões postais. http://www.hotelvangogh.nl/

Deixei a cidade com um aperto no coração!
Fui surpreendida. Espero que tenham gostado!

BEIJOS BEIJOS!

PS:I love you.

Viagem: Paris

Hello!

Difícil encontrar palavras para um lugar tão charmoso, poético e intenso!
Gostaria que vocês, meus queridos leitores, sentissem o mesmo que senti, compartilhando
comigo as mesmas emoções. Por esse motivo fiz um vídeo bem especial!
Espero que um dia vocês tenham a oportunidade de conhecer a Cidade Luz, e que minhas dicas
sejam valiosas nesse momento tão especial!

Minha principal dica é flanar pelas ruas de Paris, cafés e incontáveis cartões postais, curtindo sem pressa cada detalhe que a cidade oferece. Planeje a viagem! Mas quando estiver lá deixe-se levar….

* Músicas do filme ”O Fabuloso destino de Amelie Poulain” e
”Meia-Noite em Paris”.
942831_280216175456154_673116286_n  998772_280231985454573_1735516966_n

Espero que tenham gostado!
BEIJOS BEIJOS!

PS: Je t’aime!

Festivais em Cambridge

Hello!

Gostaria de me desculpar pela demora para escrever pois estava aguardando dois eventos ótimos para contar para vocês! Cambridge, como já disse em outros posts, é uma cidade com mais intensidade e diversidade de vida durante a primavera e o verão. Para vocês sentirem um pouco do que eu digo montei um pequeno vídeo:

O Beer Festival em Cambridge foi realizado pela primeira vez em 1974.  Durante o seu longo período de vida o festival ocorreu em diferentes lugares, mas desde 2001 tem sido realizado em Jesus Green, sempre no final de maio. É o mais antigo festival de cerveja CAMRA do Reino Unido e, atualmente, o segundo maior festival regional de cerveja.

Ali são apresentadas grandes variedade de cervejas locais e nacionais de todos os estilos. Também são oferecidos:  a sidra, perada; hidromel, vinho e garrafas de cerveja de todo o mundo. O festival também é famoso por seu queijo Contador CAMRA, e por outras grandes variedades de queijos finos.

O valor de entrada é 4 libras, mais 2,50 libras para aquisição do copo de vidro especial do festival.

Com mais de dez horas de música ao vivo, cinema, artes e ofícios, o Strawberry Fair tornou-se parte integrante do calendário do festival ao longo dos últimos 30 anos ficando situado em um belo local junto ao rio, no centro de Cambridge.

Localizado no Green Village Park com uma arena ao ar livre, shows, comidas de diferentes tipos, espaço para crianças etc. A entrada é gratuita. Esse festival com certeza agrada a todos os gostos e comigo não foi diferente! Uma delicia de passeio!

  • Próximos festivais:

JUNHO:
6th June – 69th Anniversary of the D-Day landings – Duxford Air Museum and the the American Cemetery or The Eagle Pub would be a good place to visit on this day

Wed 19 to Mon 24 June – 802nd Midsummer Fair – Midsummer Common – stalls and rides for everyone.

end June – Singing on the River – Kings Concert performed on the river (£10 per ticket) 7:30pm event

JULHO:
early July – Music in the Botanic Gardens – 6pm start

early July – BIG WEEKEND – music and fireworks on Parker’s Piece

early July – East of England Country Show – at the Peterborough Arena http://www.eastofenglandshow.co.uk/ 

Espero que tenham gostado!
Nós nos divertimos muito!

BEIJOS BEIJOS!

Viagem: Liverpool e Chester

“You say yes, I say no
You say stop but I say go, go, go
You say goodbye and I say hello”
– The Beatles

I say..Hello!

Estive pensando durante a semana como escrever a vocês o quanto gostei da cidade de Liverpool. Tudo que eu sempre imaginei da Inglaterra num único e inspirador lugar. Hoje compreendo  porque essa cidade deu vida ao rock inglês, aos Beatles e a tantas outras bandas. Uma cidade moderna e que guarda tantas histórias em suas esquinas, em seus pubs, em suas ruas. Em Liverpool respira-se cultura.

IMG-20130518-WA0020

Mundialmente conhecida como a terra dos Beatles, Liverpool tem muito mais a oferecer do que a memória do maior grupo de rock da história. Há mais de um século o futebol é outra grande paixão dos moradores da cidade.
Depois de Londres, Liverpool tem o maior número de museus e galerias de arte do Reino Unido. Na zona portuária da Albert Dock concentram-se as melhores exposições.

Sede da maior catedral anglicana do país possui diversos museus, galerias de arte, e é dona de uma forte cena musical.

Liverpool chegou a ser eleita a capital cultural da Europa em 2008.

Outro ponto cultural importante na cidade é a rua William Brown; vale conhecer a centenária Walker Art, uma das galerias de arte mais importante da Europa, pois reúne obras com mais de 700 anos de história. Junto a ela está o World Museum Liverpool com coleções arqueológicas (inclusive de dinossauros) e de ciências, além de um divertido planetário.

Se o assunto for literatura, na região da School Lane há vários sebos. Por ali fica também o Bluecoat Arts Centre. O prédio mais antigo do centro de Liverpool virou um polo cultural agitado com exposições de arte em geral.

Liverpool: Roteiro Beatles

Infelizmente estive só de passagem e pude apenas conhecer uma pequena parte da história dos quatro garotos de Liverpool.
No famoso complexo Albert Dock  fica localizado o museu The Beatles Story, por onde começamos nossa visita à cidade.
O valor para entrar no museu: Adultos 12 libras/ Estudantes 9 libras.

970617_4253150867102_1188880429_n

O museu é mais do que uma viagem no tempo. É um grande passeio pela história da música nos últimos 50 anos. A decoração é perfeita.  Uma atmosfera única. Refaz desde os traços de uma rua de Hamburgo, na Alemanha, onde os Beatles ganharam  grande experiência nos palcos, até cada canto do famoso Cavern Club.

316206_269289686548803_1974399624_n 575917_269268666550905_1224716072_n 946779_4253147467017_1239038449_n 970430_4253138906803_828621268_n

A cada passo dado um trecho da história dos Beatles. Objetos da banda, violões e baterias, bonecos de cera dos rapazes de Liverpool que te levam no embalo pelo som da época.  Cronologicamente arquitetado o museu, sem fazer a menor força, te permite uma viagem rara. É fácil visitar o túmulo de Eleanor Rigby, passar por Strawberry Field, se posicionar quase como uma figura da capa do álbum “Sgt. Pepper´s…”e até mesmo passear por dentro do Yellow Submarine.

A exposição termina com frases da música ”Imagine” e com um lindo piano de John Lenon.O ingresso do Bealtes Story dá acesso também ao Pier Head, um pequeno prédio perto dali, onde tive o prazer de ver uma exposição fantástica das fotos de bastidores da banda. Lá você também pode assistir a uma sessão do “Fab4D”, um filmezinho divertido de animação 4D (quer dizer, além de ser 3D ainda tem uns efeitos especiais com água, fumaça e tal).

Nosso próximo passeio inesquecível, Cavern Pub e Cavern Club. O Pub é nada menos do que o lugar “sagrado” onde os Beatles começaram a tocar. Em frente a ele há uma “wall of fame” com o nome das diversas bandas que ali tocaram , por exemplo, Oasis e Rolling Stones. Seu porão escuro atrai milhares de fãs do rock, inclusive assistimos a uma banda ótima que tocava ali naquele momento. Há também uma simpática estátua do jovem Lennon onde, claro, tiramos muitas fotos. (Localizado na Mathew Street)

487485_268323073312131_859963495_n 522089_268318419979263_1620354282_n 944650_268317156646056_315173753_n IMG-20130518-WA0029

Infelizmente passamos apenas uma única tarde na cidade, o que me entristeceu um pouco.
Gostaria de ter conhecido galerias de arte, a famosa rua Penny Lane, vivenciado mais essa cidade tão especial.

Com certeza Liverpool está na minha lista de lugares aos quais voltarei um dia!
Amor à primeira vista! É um lugar surpreendente!

Chester

Estádio Old Trafford
Manchester United Football Club, Estádio

Conhecido como Teatro dos Sonhos, o Old Trafford vai muito além de ser um palco para grandes jogos, é também um marco importante da história inglesa e até já foi alvo de ataques na segunda guerra mundial. Esses ataques fizeram com que o estádio, fundado em 1910, fosse interditado entre 1941 e 1949. Você pode conhecer toda essa história visitando o museu do Manchester United. O valor é a partir de 16 libras.

581778_269270706550701_1121650482_n 931225_268603506617421_899506944_n

A cidade é encantadora. Uma mistura de Cambridge e York.
Um ótimo lugar para se passar uma tarde de Domingo com a família e amigos.  Como é um lugar pequeno, dois dias serão suficientes para conhecer as principais atrações desta cidade que teve origem numa fortaleza romana, há quase dois mil anos.

943198_269273889883716_957018533_n

Os prédios em estilo normando são uma das marcas registradas de Chester. Estas construções de madeira, pintadas de preto e branco preservam até hoje o mesmo estilo adotado pelos antigos moradores. Uma atração interessante para os turistas é conhecer o Central Market de Chester, um imenso mercadão onde produtos típicos, comestíveis, roupas, calçados e curiosidades diversas podem ser encontrada. O Cheshire Military Museum, e o Eastgate Clock – segundo relógio mais fotografado do Reino Unido, atrás apenas do Big Ben, em Londres.

481005_4253187108008_1827080737_n 20130519_124923 IMG-20130509-WA0008

Para quem está há muito tempo sem uma boa comida brasileira, encontramos por lá uma tipica churrascaria. O valor aos domingos é de 13, 50 com buffet, carnes e sobremesa. Estava uma delicia, mas, ainda assim,  nada do outro mundo! Churrascaria Tropeiro, 1 Cuppin Street.

Compramos toda a viagem pela Kaplan, por 110 libras. A viagem é realmente mais cara, pois estas cidades ficam a 5 horas de Cambridge e está incluso no valor uma noite no hotel com jantar e café da manhã. É uma viagem cansativa mas Liverpool fez tudo valer a pena! Adorei!

20130518_145523

 

BEIJOS BEIJOS!

PS: Love is all you need..

Comida: BRA X ING

Hello!

“Se for pra chorar pelo leite derramado, que seja leite condensado!”
(Do filme Comer, rezar, amar)

Para mim uma das coisas que melhor caracteriza um lugar é a comida. Os ingredientes, os cheiros e os sabores. A forma com que as pessoas apreciam a comida. Cada cultura possui seu diferencial, seu sabor.

Hoje falarei da minha eterna ”guerra” por aqui. Encontrar um bom e saboroso prato de comida em Cambridge. Eu, na minha busca insaciável encontrei 3 lugares que têm um pouquinho do Brasil em seu cardápio. Cristine Pastisserie, Café Brasil e Las Iguanas. Entretanto, os achados foram decepcionantes.

No Cristine Pastisserie, comemos uma deliciosa coxinha. Lá é possível encontrar outros salgados brasileiros, porém em pouca quantidade, pois a prioridade do lugar são bolos e baguetes, assim como  todo lugar em Cambridge. O valor da coxinha foi 1,5 libras. Localizado na 1 Botolph Lane (off Trumpington St). Todavia, para quem quer saciar um pouquinho da saudade a coxinha é ótima!

318836_464866503587550_864140053_n

Já o Café Brazil, oferece feijoada e Strogonoff apenas aos finais de semana por um preço de até 7 libras. Porém, fomos durante a semana onde vende-se apenas baguetes e sanduíches, para variar. Alguns amigos meus já experimentaram a feijoada e aprovaram, contudo dizem que falta um  bom temperinho brasileiro. No café, há uma mini-venda onde podemos encontrar alguns produtos brasileiros como arroz, feijão preto, guaraná, azeite galo etc. Localizado na 64 Mill Road, Cambridge.

Las Iguanas, o lugar é lindo, a decoração é linda mas eles realmente desconhecem a comida brasileira. O cardápio do restaurante é dividido por pratos de cada pais da America do Sul, inclusive Brasil. Há galinhada, feijoada, vatapá, caipirinha etc. Optamos pela feijoada e pela caipirinha. Decepção total! Não havia feijão na feijoada. Sim, isso mesmo que você leu. O sabor era totalmente diferente e havia muita, muita, carne de porco. A caipirinha foi servida com gás, limão, vodka e hortelã, ou seja, tudo menos caipirinha. Valor final, 15 libras por pessoa. Localizado na Quayside, Cambridge CB5 8AB.

911788_470586139682253_563650047_n

Para não sofrermos tanto com a diferença da comida, optamos por marcar almoços e jantares onde nós mesmos cozinhamos. Além da comida ser mais saudável, é uma opção mais barata, você pode passar mais tempo com seus amigos e experimentar pratos tradicionais de outros países. Já preparamos risotos, pratos espanhóis, colombianos, italianos, brasileiros etc. Não é fácil encontrar os mesmo ingredientes e carnes que temos no Brasil, porém, podemos fazer uma adaptação com os ingredientes que temos nos mercados daqui.

26319_445266748880859_775537197_n 1 973796_267016366776135_1297280403_n

Na hora de sair com os amigos para almoçar e jantar temos nossos restaurantes preferidos em Cambridge. Contudo, o cardápio não foge muito da famosa Junk Food. Para que não conhece esse nome, Junk Food  é uma expressão pejorativa para a comida rápida e calórica, por exemplo, hambúrguer, frituras, pizzas etc.

Nossos favoritos são:
GBK – Gourmet Burguer Kitchen: Com certeza o melhor hambúrguer que já comi! Super saboroso, diversas opções no cardápio, porções bem servidas e um preço que varia de 10 à 15 libras por pessoa. Lá a carteirinha internacional do estudante (isic), pode ser usada para se ter descontos.
(43-45 Regent St  Cambridge)

913027_265459303598508_1586908939_n

Nandos: Se você gosta de frango, aqui é o seu lugar! Todo os pratos do cardápio tem como base, frango! O lugar é agradabilíssimo, tem um ótimo preço e deliciosos pratos. Há opções individuais e opções para dividir o prato com até 4 pessoas. Outra característica do restaurante é a Pimenta! Todos os pratos vêm apimentados, todavia você pode escolher o quão apimentado você deseja. O valor vária   muito, mas comparando com outros restaurante acho barato. (33-34 St Andrew’s St) / (33-34 St Andrew’s St)

image

Revolution: Essa é uma ótima opção às segundas-feiras, onde todos os pratos do cardápio são a metade do preço original. As opções são, lanches, massas, saladas, fish&chips etc. O lugar é bem descontraído e cheio de estudantes! O valor em dias normais é de 5 à 10 libras. ( 3-8 Downing St, City Centre)

Lucky Star Chinese: Uma comidinha chinesa é sempre bem vinda! Próximo à Residencia estudantil onde eu moro, há esse restaurante que durante a semana no horário do almoço tem comida à vontade por 6,50 libras incluindo sobremesa. A comida é fresquinha e o Yakissoba é ótimo! (1st floor, Cambridge Leisure Park  30 Clifton Way)

Jamie’s Italian: Excelente opção em Cambridge e em toda a Inglaterra! Ótima serviço, ótima comida, ótimo preço! Há carnes vermelhas e brancas, massas diversas, saladas e ótimas sobremesas. é necessário reserva, ou você terá que aguardar muito tempo. (The Old Library  2 Wheeler St, Cambridge)

Algo curioso na cultura Britânica é o habito de almoçar apenas lanches, sopas ou baguetes e no jantar ter a grande e mais importante refeição do dia. Esse hábito surgiu há muito tempo, durante as guerras. Quando os homens iam lutar na guerra, sua única e última refeição com a família era o jantar antes de partirem, e por isso esse momento é tão valorizado até hoje.

Culturas muito diferentes, temperos diferentes, hábitos e escolhas diferentes.
Estou à 3 meses tentando me acostumar, a tarefa não é tão fácil, ainda mais para mim,
que adora sentar numa mesa e apreciar uma boa comida!

2

Por hoje é isso! 🙂

BEIJOS BEIJOS!

PS: I LOVE YOU

Happy Mother’s Day!

”Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?” – Fernando Pessoa

Aquela que com um simples sorriso me traz a paz que eu preciso, que ao passar a mão em meu rosto me conforta, que me cobre durante a noite, que me deita em seu colo para me ouvir. Aquela que com um simples olhar é capaz de ler meus pensamentos e com seus braços e palavras, sempre me ajudar. Aquela que o amor é tão grande que as vezes esquece dela mesma, por mim, por nós. Aquela que é minha inspiração, meu exemplo. Mãe! Parabéns à todas estas mulheres que são merecedoras das palavras mais bonitas e dos abraços mais apertados, não apenas hoje, mas todos os dias.

Especialmente de Cambridge para Luiza, Vania, Silvia, Renata, Cleide e Cleia.
Com muito amor e principalmente, MUITAS saudades, de suas filhas queridas:

BEIJOS BEIJOS!

PS: I LOVE YOU LULU!

Primavera, Brighton e Londres.

Hello!

“O segredo destas flores fechadas é que exatamente no primeiro dia de primavera elas se abrem se dão ao mundo.” Clarice Lispector.

A cidade de Cambridge estava escondida enquanto nevava. Os parques eram apenas vento, as árvores eram reflexo do tempo frio. Hoje quando as flores se abriram os parques viraram a vida da cidade. As cores mudaram, tudo ficou rosa, amarelo, verde..as pessoas ficaram coloridas, sorridentes..

Para mim não há melhor momento para se visitar Cambridge como esse. O clima é agradável, com sol durante o dia e um friozinho gostoso a noite. A cidade vibra!
Picnics, passeios de barco, esportes no parque, sorvetes, sol, flores e lindas fotografias!

image

image

image

image

image

image

Brighton

Aproveitamos nossa semana em Cambridge e continuamos o fim de semana com um outro lindo passeio.

Compramos a viagem pela escola, pelo valor de 27 libras incluindo passagens de ônibus ida e volta.

Chegamos logo pela manhã, o céu estava lindo. Aproveitamos o momento para conhecer o famoso Pier de Brighton. Lá há vários pubs, tendas que vendem FISH&CHIPS, doces deliciosos, sorvetes, e o principal, uma vista espetacular do mar.

image

image

image

image

image

Além da bela paisagem há o famoso parque de diversões e uma roda gigante onde pode-se ter uma vista panorâmica de toda a cidade (valor de 6 libras).

image

Um dos pontos turísticos de Brighton é o Royal Pavillion. O local é uma antiga residência real, construída em estilo indo-sarraceno (estilo predominante na Índia do século XIX). Na minha opinião um lugar “bizarro” que não interage de modo algum com a arquitetura em seu entorno. Porém os moradores de Brighton aproveitam muito o jardim em seu interior. Um jardim super agradável, florido com muitas famílias e grupos de amigos fazendo picnics. A visitação interna do palácio custa 9,60 libras por pessoa.

Para nós que estávamos há algum tempo sem sol e praia, resolvemos almoçar curtindo o mar, comendo o famoso Fish&Chips e aproveitando aquela vista única durante horas!
O nosso único problema foi o vento! Algo impossível de se evitar em qualquer lugar da Inglaterra.

Brighton é uma cidade tranquila durante o dia e agitada durante a noite.
É uma cidade muito jovem, cheia de bares e famosa por movimentos hippies.

O dia foi uma delicia e muito relaxante!
Finalmente estamos começando a guardar nossos casacos! 🙂

image

image

image

Cambridge e Londres

Descobri que uma das melhores coisas do mundo é fazer um belo picnic num lindo dia de primavera.
Um passeio tranquilo, simples, barato, divertido e que traz a possibilidade de conhecer ainda mais o lugar onde moramos.
Dicas para um belo pic-nic:
1. Vinhos, queijos, pães, toalha, descartáveis e amigos!
2. Frutas, sanduíches, bolos, toalha, destacáveis e muitas risadas!
3. Não esqueça de levar uma sacola para ser usada como lixo!
4. Veja a previsão do tempo antes do passeio! Por aqui chove muito durante a primavera.
5. Selecione algumas boas músicas para ouvir e relaxar.
6. Fique descalço, tire boas fotos e aproveite a natureza!

62605_263343563810082_2066221409_n 934869_263239827153789_1010196423_n 936233_263340903810348_1530639893_n 315966_263342017143570_1555399453_n

Tive a oportunidade de conhecer Londres em duas diferentes e lindas épocas do ano, inverno e primavera!
Cada uma em suas particularidades transformam Londres.
No último domingo fui ao Palácio de Bunckingham e ao famoso bairro Candem Town.
A estação mais próxima ao Palácio é a Victoria Station, onde você irá caminhar 5 minutos até o destino.

O Palácio nos encantou! O grande jardim em sua frente estava repleto de flores, crianças, sorrisos e cores!
Uma oportunidade espetacular!

247584_262866197191152_1416071724_n 942075_262680090543096_402762776_n 942213_262653900545715_1291576210_n 942848_263671530443952_1250143565_n

Depois desse belo passeio, fomos matar um pouco da saudade do Brasil no famoso restaurante, Made in Brasil, em Candem Town. O restaurante é fácil de ser encontrado, pois fica em frente à saída da estação de metro, Candem Town.

Comemos tres famosos petiscos brasileiros, por exemplo bolinho de carne seca, tomamos Guaraná e almoçamos, claro, uma deliciosa Feijoada! O valor final para cada uma foi 17 libras.  O preço é um pouco ”salgado”, mas vale MUITO a pena!

944323_263673493777089_1446207184_n

O passeio por Candem Town, infelizmente nos decepcionou. O lugar é super alternativo e é uma boa opção
para quem quer descobrir lugares diferentes em Londres. Porém, para nós, foi demais. Muitas lojas que vendem camisetas e bugigangas, muita gente. Há quem goste de Candem Town.

Por hoje é isso!
BEIJOS BEIJOS!

P.S: I love you.

Viagens: Oxford e York

Hello!

Há algo muito especial que você  deve  fazer ao visitar ou morar na Inglaterra. Conhecer as encantadoras cidades de Oxford e York. Uma experiência que te confronta com séculos de história pelas suas charmosas ruas. São cidades fantásticas cuja visita vai lhe conduzir pela história, arquitetura e arte da Inglaterra  medieval.  É  um belo passeio, tranquilo e, ainda assim,  cheio de surpresas.

Oxford

Para viajarmos de Cambridge  a Oxford compramos as passagens pelo ônibus X5. Ele passa de 30 em 30 minutos pelo Park&Side com destino a Oxford, todos os dias da semana.

Você tem duas opções: single (apenas ida) e return(ida e volta),  sendo a primeira 12 libras e a segunda 15 libras. A viagem dura em média 3 horas e 15 minutos. É cansativo, porém a chegada à cidade irá te recompensar por cada segundo na estrada.

Para aproveitar bem o seu dia procure escolher os primeiros horários de partida, sendo o primeiro às 7 am. Para voltar você tem disponíveis vários horários, sendo que o último ônibus parte às 9 pm para Cambridge. Além do ônibus X5 você tem  opções de viagem por trem e carro.

Chegamos em Oxford no horário do almoço e por isso começarei falando sobre comida, restaurantes, pubs etc.

Oxford tem vários pubs históricos, alguns deles famosos por serem o lugar preferido de pessoas como J R R Tolkien, autor do “Senhor dos Anéis”, e C. S. Lewis, autor das “Crônicas de Nárnia.

O The Chequers, por exemplo,  localizado numa viela da High Street, 131, a principal rua de Oxford; o The Chequers não parece grande coisa por fora mas seu interior é super charmoso e com o típico cardápio britânico.  The Grand Café, uma das primeiras casas de café na Inglaterra, que serve também pratos da culinária francesa.

Outra grande atração é o The Parsonage, no Hotel Old Parsonage, lugar que foi frequentado pelo escritor Oscar Wilde.

E sempre no topo da minha lista o restaurante Jamies Italian, uma opção saborosíssima.

O roteiro começa a caminho da Carfax Tower, parte da igreja de Saint Martin, de onde se pode ter uma vista perfeita de grande parte da cidade. No trajeto cada esquina da cidade nos faz voltar ao passado e nos faz ficar maravilhados, especialmente com a arquitetura.

Fomos surpreendidos ao entrar na igreja e  sermos premiados com um concerto de música clássica que ocorria naquele instante. Nada naquele momento poderia ter sido mais bem vindo!

O melhor ainda estava por vir. Ao subir na torre obtém-se, a partir dali, uma vista incrível de toda a cidade, em 360 graus. Curtimos aquele momento em silêncio observando todos os detalhes, toda a arquitetura ao alcance da nossa visão, cada construção etc.

Infelizmente nem tudo é tão perfeito. A escada que nos lava até o topo é  muito estreita e possui infinitos 99 degraus em uma construção bem antiga. É um dos passeios que mais vale a pena, não desista no caminho! (risos)
Para subir na torre é necessário pagar 4 libras. 

IMG_20130421_191710 IMG_20130420_234719 IMG_20130420_203016

Continuamos o roteiro em direção ao Christ Church College, famoso por inspirar a montagem do filme Harry Potter e também fazer parte da real história de Alice, de Alice no País das Maravilhas. Este College é parte essencial para quem está visitando Oxford e quer se envolver com a arquitetura, a história e a natureza do lugar.

No colégio há dois grandes jardins onde moradores da cidade fazem picnics, tomam sol durante o verão, etc. É com certeza um dos prédios mais notáveis e impressionantes da cidade.
Outro colégio que merece a visita é o Magdalen College, onde estudou Oscar Wilde, entre muitos outros grandes nomes da história britânica. Fica localizado próximo ao Jardim Botânico e à Magdalen Bridge.

IMG_20130421_170221 IMG_20130421_170202 IMG_20130420_233941

A Biblioteca da Universidade de Oxford é uma das construções mais exuberantes,  localizada no coração da cidade. Sua arquitetura exterior tem sua melhor vista a partir da torre que citei anteriormente. Dentro da biblioteca fica a Divinity Room, considerada a mais antiga sala de aula da universidade, construída em 1427. E para os fãs de Harry Potter a biblioteca também já foi aproveitada  como cenário, tendo aparecido nos filmes da série.

Aproveite para dar uma passada pelo Oxford Castle, um castelo que funcionou como prisão durante décadas. O foco deste passeio são histórias dos antigos prisioneiros, histórias da época medieval em Oxford, sobre espíritos e outros casos de assombro. Há coisas de muito interesse e bem curiosas para se descobrir por lá! O valor para Adultos é 9,50 libras.

Além do castelo há uma pequena montanha de onde se tem uma visão ampla da  cidade, e  onde, como soubemos,  no passado eram feitas execuções de prisioneiros e festas.

Outro passeio interessante é o  Museums Curioxity, que, como o nome já diz, é um museu especializado em curiosidades científicas, onde tudo pode ser tocado e explorado por conta própria. Localizado na Old Fire Station, 40 George Street, e o Museum of the History of Science, que tem uma das melhores coleções de antigos objetos astronômicos e de navegação.

IMG_20130421_170245 431946_255239727953799_1120859355_nIMG_20130421_170140 IMG_20130421_170055

Uma outra famosa atração existente, mas que infelizmente não tivemos tempo de conhecer é o Sheldonian Theatre, prédio construído pelo arquiteto Sir Christopher Wren . Com a forma de um teatro romano, o local é utilizado para cerimônias importantes em Oxford. Nem sempre está aberto ao público, mas se estiver passando por ali vale a pena conferir para apreciar os afrescos do teto que remontam ao século 17.

Apesar das inevitáveis comparações correntes entre Oxford e Cambridge, para mim não são cidades que devam ser comparadas. Cada uma possui aspectos muito particulares que as deixam ricas em suas individualidades, tornando uma e outra centros de cultura muito especiais.

Oxford para mim foi um passeio muito enriquecedor, além de divertido. Um lugar muito representativo na história do  conhecimento que não  pode deixar de ser visto e admirado por qualquer um que venha à Inglaterra.

318817_255084477969324_1606313275_n 922736_255637964580642_1867507339_n

York

Conhecer uma cidade que já foi capital do Império Romano, dos Vikings e da Inglaterra é realmente algo especial e surpreendente. Uma cidade charmosa, formada de ruazinhas medievais e onde ainda se encontram conservadas históricas e representativas muralhas romanas.

Assim é York, um lugar cheio de histórias e que nos proporcionou um ótimo dia de domingo, tempo que considero suficiente para explorar toda a cidade ou, pelo menos, suas principais atrações turísticas.
Compramos o passeio junto à  escola, durante a semana, por 32 libras com ônibus de ida e volta.

Um dos pontos mais visitados de York é um conjunto de ruas chamado The Shambles,  um labirinto de vielas sinuosas no centro da cidade. Para mim foi a parte mais especial do passeio, no qual ficamos com a incrível sensação de realmente termos voltado ao passado.

Hoje a Shambles é conhecida como a rua medieval mais bem preservada da Europa e reúne uma série de lojas de souvenirs e coisinhas diferentes.  Curiosidade: nessas ruas há várias e várias lojas espetaculares de chocolate! Chocolate quente, bolos, bombons e fondues…

IMG_20130421_212909 563721_255065591304546_694626534_n

Ao entrar na cidade, a Clifford’s Tower é uma das primeiras coisas que você vê e que de imediato te surpreende. É uma torre que teve um papel importante no controle do Norte da Inglaterra durante o período medieval. Mesmo que você não tenha tanto interesse pela história do local a visita vale pela vista panorâmica da cidade que a torre proporciona.
Preços: 4 libras (adultos) e 3.60 libras (estudantes e idosos)

IMG_20130421_212345

Por ser uma cidade que mantém os antigos aspectos arquitetônicos romanos, ela é toda murada e um dos passeios mais bacanas que existem por lá é caminhar por sobre os  muros da cidade. Ao longo do passeio você vai se deparar com uma série de placas que vão contando a história da cidade e de suas principais construções.

IMG_20130421_172227 IMG_20130421_191652 IMG_20130421_192203

Uma atração especial é a catedral York Minster sendo possivel subir em sua torre e fotografar a vista panorâmica da cidade. Lindo! Porém o preço não é tão agradável como o passeio, 14 libras (adultos) e 12 libras (estudantes).

IMG_20130421_213214 PicsArt_1366568579983

Visitar York e deixar de tomar chá na Betty’s é algo inaceitável! Betty’s é uma das casas de chá mais tradicionais de Yorkshire e uma das mais gostosas também.

Além de ser um charme por dentro, você tem uma quantidade e uma variedade enorme de comidinhas por lá. Pode-se almoçar escolhendo entre pratos de massa e outros tipicamente ingleses; pode-se  tomar o tradicional chá da tarde e saborear uma deliciosa torta. Nada é mais inglês do que isso! (6-8 St Helens Square)

Visitamos o York Castle Museum, um dos museus mais importantes da Inglaterra sobre a vida cotidiana da população em outros tempos. É super conhecido por ter em seu interior  uma reconstrução de uma típica rua da era vitoriana, a Kirkgate. Para mim a única parte realmente interessante do museu. (Preço: 8,50 libras (adultos), 7,50 libras (estudante) grátis para menores de 16 anos). E por último, mas não menos importante, o Jorvik Viking Centre, um vilarejo viking totalmente preservado em meio à terra, onde são exibidos mais de 20 mil itens da época, hoje um museu (Preço: 16 libras).

IMG_20130421_192132

Dica: Assim como em Cambridge, o comércio e os passeios turísticos de ambas as cidades fecham por volta das 17h. Pubs ficam abertos até as 3am, porém param de servir comida às 21h. Fique atento aos horários para aproveitar o passeio com tranquilidade.

Meu final de semana não poderia ter sido mais agradável!
Cidades encantadoras, momentos maravilhosos!
Valem realmente a visita!

BEIJOS BEIJOS!

P.S: I LOVE YOU

Viagens: Barcelona

Hello!

Neste último final de semana pude conhecer uma das cidades mais encantadoras que já visitei. Uma cidade sinônimo de alegria e de cor, plural, cheia de vida! Aceitei usar meu olhar de menina deslumbrada com tanta beleza e me envolvi completamente com as cores, a cultura, a cidade. Deixei me levar pelas ruas com meu olhar de estudante de arquitetura, vendo essa cidade cosmopolita e moderna por outro ângulo. Barcelona nos envolve e nos convida a descobri-la. Barcelona é acolhedora e como já disse anteriormente, plural. Agrada a todos os gostos, a todos os tipos de pessoa. E, sim, me agradou em todos os sentidos. A temperatura, a comida, a cultura, as paisagens, a alegria, arte, etc!
Finalmente pude apreciar tardes de sol, ainda mais belas em Barcelona, olhando o mar mediterrâneo, num clima que só essa cidade pode oferecer, único. Acreditem, o Sol realmente faz a diferença na cultura, no modo de viver das pessoas, na alegria, no ritmo da cidade.

Planejando/aeroporto/dicas:

Assim como na viagem a Munique, compramos as passagens pelo site da Ryanair e passagens de ônibus pela National Express para irmos e voltarmos do aeroporto Stansted. Quando viajamos por aqui, sempre optamos pela bagagem de mão, ou seja, uma mala pequena de até 10 kg, sendo que e a soma do comprimento com a largura e a altura não deve exceder 115 cm, para não pagarmos excesso de bagagem e termos menos trabalho durante a viagem. Lembre-se que você pode levar apenas 100 ml de líquido, ou seja,  pequenos frascos de shampoo/condicionador/desodorante etc.
Como estamos morando em Cambridge  o aeroporto mais próximo é o Stansted em Londres, que fica localizado a 50 minutos daqui. O translado até o aeroporto pode ser feito de trem ou ônibus. Desta vez optamos pelo ônibus que estava com um preço melhor, 15 libras ida e volta. Você pode comprar a passagem do ônibus pela internet, no site da National Express, ou na tenda de vendas próxima à estação de ônibus de Cambridge.  Lembre-se de comprar sempre com uma  boa antecedência.

Em Barcelona você tem 3 opções de transporte do aeroporto até o centro, taxi, trem e Aerobus. Optamos pelo Aerobus que passa de 10 em 10 minutos no aeroporto e tem como paradas as principais localizações, inclusive ao lado do nosso Hostel, na praça Catalunya. O valor é de 5 euros por pessoa. Vale a pena.

Uma informação de extrema importância para os estudantes! Nunca viaje sem a carta da escola em que você está fazendo o intercâmbio para nenhum outro país  pois no controle de passaporte eles irão exigir isso de você.
Obs: A carta da escola é aquela que você receberá antes do intercâmbio confirmando sua acomodação, sua matrícula, endereço etc.

Hostel:
Sem dúvida entre todos os Hostels que ficamos até agora esse foi o melhor!
Black Swan Hostel Barcelona,
tem uma localização excelente, ótima limpeza, ótimos funcionários, 
organização etc.  Fica localizado no centro histórico próximo ao Arco do Triunfo, Praça Catalunya, La Rambla e a cinco minutos à pé da estação Urquinauna. Outra vantagem é que o hostel disponibiliza um transfer para o aeroporto, 7 euros por pessoa,  em qualquer horário e em qualquer dia da semana.

(Calle Ali Bei 15, 08010 Barcelona)

Passeios:
Locomover-se por Barcelona é muito fácil e seguro. Há várias indicações e pontos de informações turísticas  além do fato de ter ótimas linhas de metro que nos levam facilmente para todos os pontos turísticos. Há várias opções de passagens de metro. Optamos pela  mesma da maioria das pessoas, 10 viagens por 9,80 euros. Essa é a melhor opção, pois estávamos em 3 e podíamos usar a mesma passagem,  por um ótimo preço. Além dos ônibus que também são ótima opção.

Começamos nossos passeios pelo famoso Parque Guell. Para chegar ao Parque Güell, tome o metrô – Linha 3, verde – e desça na parada Lesseps, ou os ônibus 24, H6 ou 92. O Bus Turistic também passa pelo Parque.
Um dos lugares mais bonitos que já visitei na vida, sem dúvida. Natureza, Arquitetura, Gaudí, mar e sol! Há algo melhor?
O parque é imenso e cheio de surpresas em seus caminhos. Traduz, quase literalmente, a natureza que o arquiteto tanto quis mostrar em seus projetos pela cidade.

Viaduto das Gardineiras: 

DSC_0497DSC_0501 DSCN1295

Praça da Natureza:

DSC_0548 DSC_0560 DSCN1325

Praça/Vista para o mediterrâneo:

DSCN1313 DSC_0535 DSC_0537

O lagarto:

DSC_0567

Torre da Casa Museu Gaudí

DSC_0485

Visitamos as famosas casas, La Pedreira e Batlló, símbolos do modernismo de Barcelona e da Arquitetura de Gaudí.
Algo completamente diferente de tudo que já havíamos conhecido. Localizadas na Passeio de Gràcia. No caminho não deixe de apreciar a Arquitetura e o clima animado e gostoso da cidade.

DSC_0570 522016_250369308440841_1918648599_n

Sagrada Família. A Sagrada Família é a obra mais famosa de Gaudí, que por sua vez dedicou-se exclusivamente ao projeto nos seus úlimos anos de vida. Após sua morte e ainda hoje, outros brilhantes arquitetos trabalham para a finalização da obra, que tem sua previsão para o ano de 2026, centenário de morte de Gaudí.

539760_250370918440680_1102122728_n 552701_250373041773801_407595507_n

Para chegar basta pegar o metrô Linha 2 ou Linha 5 e descer na estação Sagrada Família.

(mapa do metro de Barcelona.)

Funcionamento:
De outubro a março: das 9h às 18h.
De abril a setembro: das 9 às 20h.
25 e 26/12, e 01 e 06/1: das 9h às 14h.

Preço:
Regular: 12,50€
Reduzida (estudante, aposentados e menores de 18 anos): 10,50€
Ingresso + Visita Guiada: 16,50€

Um outro passeio que realmente vale muito a pena é o Parque Ciutadella. Lá há muitos nativos, sol, natureza e é um ótimo dia para começar seu dia antes de uma linda praia! E além de disso fica próximo ao Arco do triunfo.

484392_251600824984356_1128102090_n 551512_250807505063688_518421814_n

Vamos a la playa!
Há várias praias em Barcelona. Optamos por conhecer uma mais badalada, e outra mais tranquila para relaxar.
Barceloneta é com certeza a praia com mais agito da cidade! Muitos turistas, nativos, restaurantes e o maravilhoso
mar mediterrâneo, azul e transparente! Almoçamos no Arenal, uma ótima paella de frutos do mar e de sobremesa
o famoso creme catalão. O almoço foi  DELICIOSO! O valor foi de 15 euros para cada pessoa.

DSCN1454 552724_250784691732636_1344864303_n 556040_250789621732143_1216459022_n

Já a Praia Bogatell é  para terminar o dia vendo um belo pôr do sol com os amigos, relaxando, curtindo o clima da cidade e da praia. O melhor jeito de chegar às duas praias é pela estação Vila Olimpica.

601999_251608601650245_748743025_nplaya-del-bogatell_1_400_300

Bairro Gótico de Barcelona forma o distrito da cidade velha e é considerado um dos centros medievais mais extensos da Europa. Não é somente uma grande concentração de edifícios antigos, e nele se encontram o centro cívico e religioso da cidade. Nele encontramos a Praça de Sant Jaume, uma das mais antigas, pois já na época romana centralizava os principais edifícios administrativos. Outra das praças cuja visita é imprescindível é a Praça do Rei, que desde o começo da Idade Média foi a sede do Palácio Real, uma das principais residências dos Condes de Barcelona. Há também o Museu de História da cidade. Um palácio de estilo gótico catalão, construído nos séc. XV/XVI, com influências renascentistas em sua ornamentação.

537109_251600694984369_1670814985_n 644496_251577664986672_1419844859_n pc160292 pc160314

Tive a grande oportunidade de conhecer o Museu Picasso, porém não pude tirar fotos. É um lugar muito especial e aconchegante com obras famosas do artista. Outro museu muito indicado pelos moradores de Barcelona é o Museu de arte Catalã, que infelizmente não tive tempo de visitar.

A comida em Barcelona, para mim, é uma das melhores sem dúvida. A comida tipica é realmente gostosa, frutos do mar, peixes, paella, tortilla. papas bravas, creme catalã, mojitos etc! Poderia ficar horas no restaurante olhando o mar….e comendo!  (risos)   🙂

Las Ramblas é um dos passeios mais turísticos e importante de Barcelona, uma zona de comércio, lojas, bares, restaurantes, museus, galerias de arte, esculturas, fontes e outros elementos que representam a cidade, a sua arte e seu patrimônio.
O Gran Teatro del Liceu é o edifício mais importante e emblemático de Barcelona, fica localizado nas Ramblas e tem mais de um século de história. Dica: fique sempre atento com as bolsas! Há vários batedores de carteira!
Metrô: Praça Catalunya ou Liceu

383024_250905975053841_1310979974_n

Barcelona, não há como compará-la a qualquer outra cidade, e nem penso que uma cidade é comparável à outra, mas Barcelona realmente é diferente. A cidade vibra, a cidade te abraça…!
Realmente estou encantada!

DSC_0524 DSC_0528 DSC_0564
TE QUIERO!

BEIJOS BEIJOS!

Apps para viagens e intercâmbio.

Hello!

Como vocês estão? Espero que tenham se divertido com meu último post sobre a viagem à Alemanha e que eu tenha ajudado vocês com as dicas.
Hoje farei um post especial sobre aplicativos para Android e Iphones que facilitam nossas viagens e o intercâmbio. Há diversos tipos de apps que podemos adicionar, porém esses foram realmente testados por mim e garanto que valem a pena. Em alguns momentos a tecnologia será sua melhor amiga na viagem, acredite!

Imagem

Time Out London:
Este aplicativo nos ajuda com programações de passeios em  Londres. Há diversas opções bacanas e é possível procurar pela localização, área de interesse, aleatoriamente etc.

Wi-Fi Finder:
É um aplicativo ótimo para encontrarmos lugares com conexão de internet para usar em nossos aparelhos moveis. Basta colocar o seu endereço ou mesmo acionar o rastreador. O app funciona offline.

Tube Map/ London:
Este aplicativo é ótimo para se locomover em Londres com o metro. Funciona offline e te mostra o mapa com todas as linhas e estações de Londres.

Currency:
Ótimo conversor de moedas para organizar seus gastos ou até mesmo durante as compras.

Buildings:
Meu aplicativo preferido! O Buildings reúne informações sobre os principais prédios de uma cidade, como a história da sua construção e estilo arquitetônico. É possível procurar uma obra específica, através do seu nome ou do arquiteto responsável. O app usa o GPS do aparelho para localizar automaticamente construções importantes que estejam na região do usuário.

Bus Checker:
Aplicativo para sabermos os horários e pontos de ônibus em Londres. Além do metro, o ônibus em Londres também é também uma ótima opção, principalmente em feriados quando algumas estações são fechadas para manutenção.

Hostel World:
Um dos aplicativos mais utilizados por mim e outros intercambistas para encontrar Hostels pelo mundo e fazer sua reserva rapidamente.

Triposo:
Com este app é possível fazer o download dos guias ou cidades específicas para visualização offline durante as viagens. Os guias incluem mapas e detalhes das cidades, informações sobre locais de visita, lista de restaurantes e opções de lazer.

Gogobot:
O aplicativo permite que você possa organizar e pesquisar sua viagem. Basta pesquisar pelo destino e data de partida e o app apresenta todas as informações existentes em seus servidores sobre o local. Ao clicar em um local por exemplo: restaurante, são apresentadas todas as informações ao redor do estabelecimento.

Google Translate:
Aplicativo mais famoso e útil em uma viagem! Escrevendo ou gravando sua voz há 50 idiomas diferentes para te ajudar!

Cambridge Offline City:
App offline com o mapa da cidade para te ajudar a se localizar por aqui.

Live Cambridge:
Este aplicativo te mostra tudo que está acontecendo em Cambridge. Ofertas em lojas, descontos em restaurantes, peças de teatro, cinema, eventos etc. Vale a pena!

ISIC Benefits:
A carteirinha internacional do estudante também tem um aplicativo! Neste você tem um rastreador de lugares onde você pode ter descontos com a carteirinha. Museus, bares, parques etc. Funciona para todos os países.

Yelp:
O aplicativo indica serviços e estabelecimentos que existem no entorno de sua vizinhança. As vantagens são os comentários que as pessoas deixam sobre os locais. Há indicações de restaurantes, bares, pubs etc.

Skyscanner:
Este aplicativo é realmente muito bom. Nele você encontra passagens de avião e hotéis. Porém, a maior vantagem do app é que ele compara os preços de todas as empresas e te apresenta as melhores opções de vôo.

Por hoje é isso! Espero que tenha ajudado!
Acreditem, vale muito a pena ter esses aplicativos!

Beijos Beijos!
E um pouquinho de Cambridge para vocês:
548486_248429528634819_1204796625_n